Leopoldo Lopez, líder da oposição na Venezuela, recebe quase 14 anos de prisão

Lopez é acusado de incitar à violência contra o governo do presidente Nicolas Maduro e de tentar forçar sua deposição.

leopoldo lopez, lopez, prisão de leopoldo lopez, prisão de lopez, prisão de leopoldo lopez, prisão de leopoldo lopez, venezuela, venezuela leopoldo lopez, notícias mundiais, últimas notíciasLeopoldo Lopez foi condenado a 13 anos, nove meses e sete dias de prisão. (Fonte: AP)

O líder da oposição venezuelano, Leopoldo Lopez, foi condenado a 13 anos, nove meses e sete dias de prisão, disse seu advogado Roberto Marrero.

O popular dissidente, um economista treinado nos EUA que está detido em uma prisão militar desde fevereiro de 2014, é acusado de incitar à violência contra o governo do presidente Nicolas Maduro e de tentar forçar sua deposição.

[postagem relacionada]

Marrero fez o anúncio em sua conta no Twitter, informando que Lopez será detido no presídio militar de Ramo Verde, local onde atualmente está detido.

Se a sentença me condenar, você terá mais medo de lê-la do que eu de ouvi-la, porque você sabe que sou inocente, disse Lopez desafiadoramente ao juiz, de acordo com uma testemunha, David Smolansky.

Smolansky, um prefeito do bairro de Caracas que estava na audiência a portas fechadas, descreveu a aparência de Lopez via Twitter.

Os confrontos começaram no início do dia entre os apoiadores de Lopez, 44, e manifestantes pró-governo do lado de fora do tribunal.

Empunhando bastões e garrafas plásticas, partidários do governo do presidente socialista Maduro atacaram um grupo de seguidores de Lopez que esperava desde as primeiras horas da manhã pela fase final de seu julgamento, disse um correspondente da AFP.

Apoiadores de Lopez disseram que um de seus ativistas morreu de ataque cardíaco durante a briga - uma alegação que não pôde ser verificada de forma independente.

A polícia e a guarda nacional intervieram posteriormente para manter os dois grupos separados.